Rodrigo Janot chama Eduardo Cunha de delinquente em pedido de afastamento ao STF

Será que o Procurador Geral da República tá vendo com bons olhos as manobras do Presidente da Câmara? A julgar pelo que a imprensa revelou hoje, parece que não esta nada feliz.



A palavra “delinquente” aparece duas vezes no documento, enviado pela Procuradoria-Geral da República (PGR) ao STF na quarta-feira. 

Na primeira citação, Janot relata a pressão sofrida pelo operador Júlio Camargo, delator da operação Lava-Jato. 

Em depoimento, Camargo conta que Cunha usou requerimentos de outros deputados para pressioná-lo a pagar propina de US$ 5 milhões.
Janot chama Cunha de delinquente em pedido de afastamento - Jornal O Globo

Comentários