TV R

sexta-feira, 22 de maio de 2015

E agora Aécio, o adversário é outro! Eduardo Cunha diz que "porteira para corrupção" na Petrobras foi aberta no governo FHC

'A porteira para a corrupção na Petrobras foi aberta durante a era do ex-presidente Fernando Henrique Cardoso'

A declaração foi dada pelo presidente da Câmara, Eduardo Cunha (PMDB-RJ), durante uma entrevista no programa da TV Cultura, Roda Viva, nesta segunda-feira (16/3). 

Cunha disse que a estatal "passou a obedecer a um regulamento próprio, que permitia a licitação por carta-convite por empresas cadastradas previamente na própria Petrobras"

O deputado destacou que a medida dispensava a lei de licitações e considerou como uma "desculpa até palatável", já que a empresa tinha que ser competitiva no mercado exterior. "O diretor podia escolher quem ele convidava e permitir que as empresas combinassem a quem se beneficiava, as empresas podiam combinar o seu preço", ressaltou Cunha.

Em uma das suas declarações, Cunha considerou que o PT o escolheu como adversário. “O PT me escolheu como adversário, não fui eu que escolhi o PT como adversário. Também não escolhi a presidente Dilma como adversária. Estamos no meio de uma crise política e temos que resolver uma crise política”.
Jornal do Brasil - País - Cunha diz que "porteira para corrupção" na Petrobras foi aberta no governo FHC

Seguidores