Dias Toffoli diz que Jair Bolsonaro no Planalto não influi em liberdade ou prisão de Lula

O discurso do Presidente eleito pregava sem meias palavras a perseguição aos vermelhos, em algumas ocasiões Bolsonaro chegou a declarar que Lula apodreceria na cadeia, mas o Presidente do STF disse, segundo o site Poder 360, que a presença de Jair Bolsonaro no Palácio do Planalto a partir de 2019 não influenciará no julgamento de prisões após condenação em 2ª Instância. O presidente do STF (Supremo Tribunal Federal), ministro Dias Toffoli se referiu ao julgamento que tratará do tema provavelmente em Março do ano que vem. 
A defesa de Luiz Inácio Lula da Silva espera esse julgamento para um novo pedido de liberdade do ex-presidente, preso desde 7 de abril de 2018 pela Lava Jato.
Para Toffoli, o mesmo poderia ser dito caso a vitória na eleição presidencial tivesse sido de Fernando Haddad (PT). O destino do ex-presidente foi tema recorrente na campanha, dividindo petistas e bolsonaristas.
“Nem o Lula ia ser solto se o Haddad ganhasse nem vai ser preso para o resto da vida porque o Bolsonaro ganhou. Essas perguntas não têm sentido”, disse o presidente do Supremo.