Questão Brasil edição nº. 87

Questão Brasil | Assuntos de Goiás TV

domingo, 7 de maio de 2017

“STF é o Supremo e não Curitiba”, diz Gilmar Mendes expondo racha na Justiça em relação a Lava Jato – Profissão Político



Por essa nem o mais pessimista dos brasileiros esperava, se não bastasse a soltura de réus na maior operação anti-corrupção da história do Brasil, o Ministro Gilmar Mendes deu uma bronca no MPF de Curitiba e a pergunta que não quer calar desde então é: Adianta Sérgio Moro condenar e prender os corruptos se todos serão "beneficiados" pelo STF? 

 A libertação de Eike Batista já soou estranho para quem torce para que a Operação Lava Jato chegue ao final com condenações e prisões de todos os corruptos deste país. Os últimos acontecimentos tiram qualquer possibilidade do Brasil ser passado à limpo, não pela soltura de José Dirceu, mas pela postura dos Ministros do STF em relação ao centro nevrálgico da Operação Lava Jato. 

O objetivo da Lava Jato desde o início era apear o PT do poder, depois do impeachment, a meta mudou, evitar a volta de Lula à Presidência passou a ser uma obsessão para os Procuradores do Power Point e do Juiz Sérgio Moro que nunca escondeu sua predileção pela ideologia Tucana. 

Só que as coisas parecem ter saído do controle, e para tentar impedir Lula, a Lava Jato acabou revelando outros segredo, expondo políticos antes intocáveis e chegou com força ao Presidente do PSDB e todos os nomes fortes da sigla.

Diante disso, os mesmos que orquestraram o Golpe parlamentar contra Dilma, resolveram que é hora da Operação Lava Jato chegar ao fim... 

Vai vendo, o projeto de poder do PT sofreu abalos, fez vítimas e queimou alguns nomes, mas é inegável que o PT tendo Lula como pilastra de sustentação ainda resiste ao terremoto, enquanto PMDB e PSDB não terá nenhum nome com capacidade ou idoneidade para encarar o ex-presidente em 2018.

A massa da pizza já esta preparada, só falta ir ao forno e ser servida à gosto!
 
http://www.youtube.com/watch?v=Hjr7Aa_ZSvM

Seguidores