TV R

quarta-feira, 30 de dezembro de 2015

The Economist coloca Dilma na capa e prevê desastre em 2016

A revista britânica The Economist escolheu a crise brasileira como tema de capa.

Com o título “Queda do Brasil”, a publicação coloca uma imagem da presidente Dilma Rousseff (PT) de cabeça baixa e faz o alerta: à frente, vem um ano desastroso. 

Entre as principais críticas contra a administração de Dilma neste ano, o texto destaca a redução da nota de crédito por duas agências de classificação de risco, a demissão do ministro da Fazenda, Joaquim Levy, menos de um ano após ter assumido o cargo, a baixa previsão de crescimento da economia para 2016 e, claro, o escândalo envolvendo a Petrobras.

“A coalização de governo do Brasil tem sido desacreditada por um gigante escândalo de corrupção em torno da Petrobras”, diz a publicação. “E Dilma Rousseff, acusada de esconder o tamanho do déficit orçamentário, enfrenta um processo de impeachment no Congresso.”

A revista ainda menciona que por integrar os países que fazem parte do Brics (Brasil, Rússia, Índia, China e África do Sul), o Brasil deveria fazer jus ao grupo e estar na vanguarda do crescimento das economias emergentes.

Porém, em vez disso, tem enfrentado uma forte disfunção política e, talvez, uma inflação disparada.

Para a Economist, apenas escolhas difíceis podem colocar o Brasil de volta aos trilhos. "Neste momento, Dilma não parece ter estômago para elas". 


Seguidores