TV R

domingo, 8 de novembro de 2015

Sérgio Moro, Juiz da Lava Jato, transfereriu empreiteiros para presídio comum e STF mandou para casa

Sergio Moro, responsável pelos processos do escândalo do petrolão na primeira instância, notificou nesta segunda-feira os advogados dos empresários para que eles se manifestem se preferem que seus clientes sejam transferidos para um presídio comum. A manifestação do juiz é uma espécie de contra-ataque à choraminga dos empreiteiros, que criticaram, por meio da imprensa, as condições das celas da PF.

“As celas da carceragem da Polícia Federal têm as suas limitações, já que se trata apenas de prisão de passagem, mas entendeu-se que a permanência nelas, ao invés da transferência, era do interesse dos próprios acusados”, disse o juiz Sergio Moro em seu despacho. “Diante de supostas reclamações veiculadas não a este juízo, mas à imprensa, é o caso de consultar os defensores em questão acerca do interesse dos presos na transferência para o sistema prisional estadual, ainda que para estabelecimentos reservados a presos com direito à prisão especial”, completou o magistrado.

Os advogados terão 48 horas para informar se preferem que os empreiteiros sejam levados para um presídio do Paraná.​
Juiz da Lava Jato oferece transferência de empreiteiros para presídio comum - Brasil - Notícia - VEJA.com


Seguidores